Política

Lançadas em Lucas do Rio Verde obras do novo fórum com investimentos de R$ 14 milhões

Foi lançada, hoje, no bairro Parque dos Buritis, em Lucas do Rio Verde, a pedra fundamental da construção do novo fórum da comarca, que terá 4.7 mil M² de área construída. A prefeitura doou o terreno de 25 mil metros quadrados e o Tribunal de Justiça investirá R$ 14,9 milhões. A previsão é ficar pronto em abril de 2020.

“Representa o crescimento do Poder Judiciário na comarca de Lucas, no crescimento populacional, no crescimento das demandas que o município tem. Isso vai proporcionar uma melhor prestação jurisdicional com mais qualidade, mais adequada a todos os jurisdicionados, em especial da comarca de Lucas do Rio Verde. Almejamos que até o final de abril do ano que vem, já possamos estar usando estas instalações. É um trabalho de muito convencimento, de informação principalmente para que a administração do Tribunal de Justiça percebesse essa necessidade que é evidente. Temos um fórum que foi ampliado em 2016, depois não houve nenhuma ampliação e gestores anteriores como o desembargador Paulo da Cunha, que deu início as tratativas, desembargador Rui Ramos, que assinou convênio e agora com o desembargado Carlos dando continuidade a essa construção”, disse o juiz Hugo José Freitas da Silva.

O presidente do Tribunal de Justiça, Carlos Alberto, disse que a “obra está visando o futuro. Uma obra que não é para durar poucos anos e, sim, muitos anos. É algo bem grande para acompanhar e evolução do município. Esse prédio dará condições melhores para o juiz trabalhar, para o Ministério Público, para uma acessibilidade melhor à população. E isso que estamos planejando neste empreendimento. Este aqui, teremos todo o processo judicial eletrônico e isso vai aprimorar muito o acesso, a agilidade. Esperamos o quando antes (conclusão da obra) se for possível até o meio do ano”.

O prefeito Luiz Binotti também esteve na solenidade, assim como desembargadores que já presidiram o tribunal como Paulo Cunha e Rui Ramos, o deputado federal e coordenador da bancada de Mato Grosso, Neri Geller.

No local onde o fórum será construído também é feita as sedes da Justiça Trabalhista que já está em construção, e futuramente da Defensoria Pública, promotoria, e da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

O fórum atual e as sedes das demais entidades se tornarão um complexo da saúde, ampliando diversos serviços e atendimentos da saúde municipal. Assim, o cidadão terá vários serviços do mesmo setor concentrados em só lugar, facilitando no deslocamento para buscar esses atendimentos.

Em Sinop, semana passada, a prefeitura lançou a licitação para construir o novo fórum com investimentos de R$ 44 milhões que o Tribunal de Justiça fará.

Redação Só Notícias (foto: assessoria - atualizada 15:45h)