Polícia

Policiais da DHPP prendem em Sinop suspeito de envolvimento em homicídios

A Divisão de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) de Sinop confirmou, ao Só Notícias, que prendeu, esta manhã, um dos possíveis envolvidos em uma série de homicídios que ocorreram no município nos últimos dias. Não foi detalhado em quais deles o suspeito teria participação. Também foi confirmado que, mesmo com a prisão do acusado, os trabalhos de investigações seguem ativos para prender outros suspeitos de envolvimentos nos assassinatos.

Conforme Só Notícias já informou, a primeira morte ocorreu no último dia 3 de abril. Abraão Lincon de Oliveira Costa, de 19 anos, foi morto a tiros a rua Caiabi, no bairro Pequena Londres. Não houve tempo para atendimento médico e morreu ainda no local.

Na mesma noite, um adolescente foi baleado no Jardim Boa Esperança, levado à Unidade de Pronto Atendimento (UPA), mas não resistiu aos ferimentos e morreu logo em seguida. A versão apurada é que dois homens passaram em uma moto (marca e modelo não confirmados) e um deles atirou.

Outro homicídio foi registrado no dia 4. Ailton da Silva, de 25 anos, levou vários tiros no momento em que desceu de seu veículo para abrir o portão na rua Bom Jesus, no Jardim Araguaia. Ele foi sepultado nesta segunda-feira.

No dia 8 de abril, Heneffer Luca Pinheiro Marques dos Santos, de 25 anos, foi morto com tiros no banco de trás de um carro, na região do bairro Villa América. Outro jovem, de 23 anos, que estava com ele também foi baleado na perna, socorrido pelo Corpo de Bombeiros e levado ao hospital.

Já na noite do dia 15, André Faustino de Souza, de 27 anos, foi morto a tiros na rua Antônio Luciano, na esquina com rua 7, no bairro Boa Esperança. O homem estava andando na calçada quando o atirador se aproximou e fez os disparos.

Pouco depois, Sérgio Wendeu Pimentel de Oliveira, de 20 anos, também foi baleado e morreu no Jardim Pequena Londres. Ele estava tentando ligar a moto quando o atirador, que estaria em um carro, cometeu o crime fugindo imediatamente. O jovem executado teria saído há pouco tempo da prisão.

Só Notícias/Luan Cordeiro e Cleber Romero (foto: Só Notícias/Lucas Torres - atualizada às 18h32)