Educação

Juiz determina que Unemat providencie intérprete para estudantes surdos do campus Sinop

O juiz da 6ª Vara Cível, Mirko Vicenzo Gianotte, determinou que a Universidade Estadual de Mato Grosso providencie dois intérpretes de Libras (língua de sinais). O pedido foi feito por dois estudantes surdos de um dos cursos da instituição, no campus de Sinop.

Os autores da ação alegaram que entraram no curso, por meio da nota do Exame Nacional de Ensino Médio (Enem), em vagas de ampla concorrência. Os dois relataram que passaram o primeiro semestre inteiro sem “intérprete de Libras”, estando “completamente ignorados” pela instituição.

Ao deferir o pedido liminar, o juiz determinou que a Unemat terá que providenciar o profissional, “através de contratação temporária ou qualquer outra forma elegida pela instituição”. O intérprete será alocado na sala de aula dos acadêmicos autores da ação e, conforme a decisão, deverá estar disponível até a colação de grau, “a fim de garantir a eficácia do processo de ensino e aprendizagem”.

Ainda cabe recurso à decisão.

Só Notícias/Herbert de Souza (foto: Só Notícias/arquivo)