Saúde

Mato Grosso recebe mais 4,8 mil doses de Coronavac para imunização de grupo prioritário

Uma nova remessa de vacinas chegará em Mato Grosso neste sábdo, no Aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande. O Ministério da Saúde informou ao Estado o envio de 4.800 doses de Coronavac para a imunização dos grupos prioritários da Campanha Nacional de Vacinação contra a Covid-19.

As unidades poderão ser utilizadas como primeira ou segunda dose para trabalhadores da saúde e profissionais das Forças Armadas, de Segurança e Salvamento. O detalhamento para cada público poderá ser conferido na resolução da Comissão Intergestores Bipartite (CIB). Para a vacina CoronaVac, o prazo de aplicação da segunda dose varia entre 14 e 28 dias.

Imediatamente após a chegada do imunizante, as equipes da Vigilância Estadual trabalharão no recebimento das doses, na conferência da quantidade, na catalogação dos imunizantes, no encaixotamento para distribuição e retirada dos municípios. Simultaneamente à operação logística, as equipes administrativas trabalham na resolução da Comissão Intergetores Bipartite (CIB), colegiado que oficializa o quantitativo de doses a ser destinado para os 141 municípios. O Estado de Mato Grosso já recebeu 831.460 doses de imunizantes contra a Covid-19 e aguarda a chegada da nova remessa.

Conforme Só Notícias já informou,  Mato Grosso receberá 7.020 doses da vacina Pfizer para intensificar a Campanha Nacional de Vacinação contra Covid-19. A distribuição nacional é feita pelo Ministério da Saúde. O imunizante fabricado pelo laboratório Pfizer apresenta uma série de especificidades. As doses chegaram ao país em câmaras que mantiveram a temperatura negativa de 70º graus Para o armazenamento descentralizado do imunobiológico, é necessário um freezer que mantenha a temperatura negativa entre 25ºC e 15ºC. Nesta média, as ampolas podem ser armazenadas por até 14 dias.

Redação Só Notícias (foto: Christiano Antonucci/assessoria)