Saúde

Taxa de ocupação de UTIs para Covid no Hospital Regional de Sinop cai para 86%

O boletim epidemiológico da secretaria estadual de Saúde informou, ontem à noite, que a taxa de ocupação das Unidades de Terapia Intensiva para Covid-19 no Hospital Regional de Sinop caiu para 86,2% (na última terça-feira chegou a 96,5%). Dos 29 leitos pactuados, quatro estão disponíveis. Por outro lado, a redução não é um fator  positivo. Ontem, houve mais três mortes em decorrência da doença de pessoas que estavam na unidade.

O levantamento da secretaria municipal é que 6 moradores de Sinop estão em UTIs no regional, além de 13 moradores de cidades da região com diagnósticos positivos e mais 2 pacientes considerados suspeitos e que estão em estado grave.

Em Mato Grosso, a ocupação permaneceu em 93,1%, isto é dos 275 leitos pactuados para Coronavírus na rede pública, somente 19 estão disponíveis.

Só Notícias ainda constatou que no Hospital e Pronto Socorro Municipal de Cuiabá das 38 das 40 UTIs foram ocupadas (95%). No São Benedito das 40 disponíveis, 38 já foram ocupadas (95%). No Universitário Júlio Muller ainda há uma vaga, dos 16 leitos totais (93,7%)

No Hospital Estadual Metropolitano, em Várzea Grande, dos 40 leitos pactuados, 37 estão ocupados (92,5%). Já na Santa Casa de Rondonópolis das 15 vagas, 14 estão com pacientes (93,3%). No Hospital Municipal de Barra Garças 8 das 5 UTIs estão com pacientes (62,5%).

Já no hospital Estadual Santa Casa em Cuiabá dos 60 leitos disponíveis, 58 estão com pacientes (96,7%). No São Benedito das 40 disponíveis, 38 já foram ocupadas (95%). No Hospital Municipal de Juína são seis leitos pactuados e só tem uma disponível (83,33%).

Estão com lotação máxima os hospitais Regional de Rondonópolis (12 leitos), São Luiz em Cáceres (5), Sorriso (2), Hospital e Pronto Socorro Municipal de Várzea Grande (2).

Já a ocupação nas enfermarias do Regional de Sinop não sofreu alteração e segue em 56,52%. Dos 23 leitos disponíveis, 13 estão ocupados atualmente, informou o governo estadual. Já para as enfermarias a nível de Estado, das 681 pactuadas, 354 estão ocupadas, com uma taxa de 51,9%.

Conforme Só Notícias já informou, a secretaria estadual de Saúde notificou, ontem, mais 34 óbitos confirmados por Coronavírus. Diante disso, o número de mortes chegou aos 1.196 em decorrência da doença. Já os confirmados chegaram a 30.536. Entre casos, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 256 internações em UTIs e 375 em enfermaria. Isto é, a taxa de ocupação está em 93,1% para UTIs e em 58% para enfermarias.

Só Notícias/Luan Cordeiro (foto: assessoria)