Política

TRE nega recurso e poderá haver nova eleição em município mato-grossense

A possibilidade de nova eleição no município de Luciara, na região do Vale do Araguaia, é cada vez maior. O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) recusou o recurso especial ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) proposto pelos advogados do atual prefeito Nagib Elias Kuedi. Eles queriam combater a decisão do próprio TRE, que determinou ao juiz eleitoral que procedesse a apreciação das denuncias referentes a transferência de eleitores ilegal, compra de votos e abuso de poder econômico.
     
A ação de crime eleitoral foi apresentada pela ex-prefeita Noely Luz. Ela perdeu a eleição por apenas 75 votos. A denúncia contra as atitudes do prefeito eleito ocorreram posterior ao pleito, fato que fez com que o juiz eleitoral Carlos Roberto Barros de Campos julgasse a ação como prejudicada, sem apreciar o mérito.
     
Com a decisão, a ação volta para a Justiça Eleitoral de Luciara. De acordo com Noely, todas as denúncias apresentadas dispõe de provas suficientes. Ela explicou que caso as provas seja julgadas procedentes, o município deverá ter nova eleição, já que a Prefeitura da cidade foi disputa apenas pelos dois candidatos.