sábado, 20/abril/2024
PUBLICIDADE

Presidente negocia reforma ministerial com PMDB

PUBLICIDADE

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva vai tentar acertar hoje com o PMDB a participação do partido na reforma ministerial. Lula receberá para um almoço no Palácio do Planalto o presidente do partido, deputado Michel Temer (SP), e o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL).

Ontem o presidente cancelou a viagem que faria à Colômbia e à Venezuela para intensificar a articulação política e resolver o mais rápido possível a reforma ministerial. Enquanto define o tamanho das mudanças no ministério, o presidente pediu que o ministro da Coordenação Política, Aldo Rebelo, continue trabalhando.

Aldo deverá ser substituído pelo ministro do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social, Jaques Wagner, mas o presidente teria preferido não fazer a troca sem definir as mudanças em outras pastas.

O ex-presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), que não participa da reunião com Temer e Calheiros hoje, deverá indicar o novo ministro de Minas e Energia. O mais cotado para o cargo é o atual presidente da Eletrobrás, Silas Rondeau. Se confirmada a escolha, o presidente terá mais um cargo importante para negociar com os aliados, que é a presidência da estatal.

O destino dos atuais ministros do PMDB, Eunício Oliveira (Comunicações) e Romero Jucá (Previdência), ainda está indefinido.

COMPARTILHE:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias
Relacionadas

Ordem de serviço para modernizar Sema Juína é assinada pelo governador

A secretaria de Meio Ambiente de Mato Grosso deu...

Governo confirma construção em MT de mais 11 pontes de concreto; R$ 59 milhões

A secretaria estadual de Infraestrutura e Logística publicou as...

Prefeito inaugura ciclovias e pistas de caminhada em avenidas de Nova Mutum

A prefeitura de Nova Mutum inaugurou duas obras do...
PUBLICIDADE