Política

Presidente Conselho Ética aguarda representação contra Henry

O presidente do Conselho de Ética da Câmara, deputado Ricardo Izar (PTB-SP), afirmou nesta quarta-feira que aguarda o ingresso de no mínimo 14 representações contra deputados. “Por enquanto são nove representações, na segunda pode chegar a 14, isto só para começar”, afirmou Izar.

Na manhã desta quarta-feira, a presidência do PL encaminhou quatro representações contra deputados do PTB –Alex Canziani (PR), Joaquim Francisco (PE), Neuton Lima (SP) e Sandro Matos (RJ). No início da tarde, foram encaminhadas representações contra o deputado Romeu Queiroz (PTB-MG) e Francisco Gonçalves (PTB-MG).

A acusação do PL é de que os deputados do PTB foram beneficiados pelos R$ 4 milhões que o deputado Roberto Jefferson (PTB-RJ), autor das denúncias sobre o “mensalão”, admitiu ter recebido do caixa dois do PT.

Izar afirmou estar com dificuldade sobre como proceder com o excessivo número de representações. “A estrutura do Conselho de Ética é pequena. Temos apenas 15 integrantes. Os relatores dos processos não podem ser do mesmo partido ou do mesmo estado dos representados.”

Segundo Izar, a idéia é fazer um único processo quanto às seis representações do PL contra deputados do PTB, tendo apenas um único relator para todas elas.

O mesmo procedimento deverá ser adotado sobre as representações feitas ontem pelo PTB contra os deputados Sandro Mabel (PL-GO) e José Dirceu (PT-SP).

Sobre as novas representações que devem chegar ao Conselho, Izar explicou que elas devem ser feitas pelo presidente do PTB, Flávio Martinez e os processos deverão ser dirigidos aos deputados Pedro Corrêa (PP-PE), José Janene (PP-PR), Pedro Henry (PP-MT) e Carlos Rodrigues (PL-RJ).

Izar afirmou que muitas das representações apresentadas até o momento, “não têm cabimento” e deverão ser rejeitadas. Para o presidente do Conselho há falta de provas nos pedidos de processo, o que fará com que muitos sejam rejeitados.

O presidente do Conselho de Ética informou ainda que já enviou ao ministro do Turismo, Walfrido Mares Guia, um pedido de depoimento por escrito que deve ser respondido e enviado até o início da próxima semana. Izar disse também que haverá uma reunião fechada do conselho nesta quinta-feira para a análise dos documentos recebidos.

Entre estes documentos está uma lista dos sacadores de recursos das contas das empresas do publicitário Marcos Valério Fernades de Souza. “A lista me foi enviada pela Polícia Federal. Ela é mais ampla do que a já divulgada pela imprensa”, adiantou Izar.