quinta-feira, 23/maio/2024
PUBLICIDADE

Mesmo sem sabatina, Éder Moraes protocola resposta a deputados

PUBLICIDADE

O secretário extraordinário da Copa do Mundo, Eder Moraes, esteve na Assembleia Legislativa, ontem, atendendo à convocação do Poder Legislativo para prestar esclarecimentos sobre a implantação do novo modal de transportes, o VLT. Acompanhado dos quatro secretários adjuntos e equipe técnica da Secopa, Eder Moraes, aguardou cerca de uma hora e foi comunicado pelos deputados requerentes Walter Rabelo e Zeca Viana que a sessão seria suspensa e a apresentação adiada por falta de quórum.

Mesmo com a suspensão, a Secopa protocolou junto à 1ª Secretaria as respostas aos requerimentos dos deputados Zeca Viana, Luciane Bezerra e do senador Pedro Taques. O documento foi entregue ao Poder Legislativo estadual por ser fruto de uma solicitação conjunta entre os parlamentares estaduais e o senador. "Temos todo o interesse em esclarecer as dúvidas dos parlamentares e da sociedade. Além de protocolar no Parlamento, disponibilizamos no site da Secretaria as respostas aos requerimentos dos parlamentares. Temos levado as informações também às universidades, sindicatos, federações do Comércio e Indústria, CDL e Maçonaria, entre outros segmentos sociais", comentou o secretário.

A ênfase na transparência é uma determinação do governador Silval Barbosa, para que toda a comunidade acompanhe de perto as obras e ações que preparam Cuiabá e MT para a Copa 2014.

Anteprojeto
O processo licitatório do VLT está em curso nos moldes do Regime Diferenciado de Contratação (RDC), que permite a contratação integrada dos projetos básicos , executivos, execução das obras, fornecimento e montagem de sistemas e material rodante. A sessão pública para abertura das propostas está marcada para o dia 23 de abril, às 10 horas, na Secopa.

O edital e o anteprojeto do VLT estão disponíveis para consulta no site da Secopa (www.cuiaba2014.mt.gov.br) desde o dia 7 de março. Ao longo dos 22,2 km do trajeto do VLT, serão necessárias intervenções como a construção de cinco viadutos, três trincheiras e três pontes. O prazo contratual de implantação do modal é de 24 meses, a contar da assinatura da ordem de serviço.

O novo modal é um transporte moderno e com mais qualidade, com dois eixos, CPA-Aeroporto e Coxipó-Centro, o modal será implantado no canteiro central das avenidas Historiador Rubens de mendonça, FEB, XV de Novembro, Tenente Coronel Duarte (Prainha), Coronel Escolástico e Fernando Corrêa da Costa. Serão três terminais de integração e 33 estações, que terão uma distância média de 500 a 600 metros entre um ponto e outro.

COMPARTILHE:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias
Relacionadas

Prefeito e vice inauguram 2ª etapa de escola integral em Nova Mutum

O prefeito Leandro Félix e o vice Alcindo Uggeri...

Governo do Estado planeja dobrar número de pontes de concreto

O governo de Mato Grosso pode dobrar, em oito...

Sinop: câmara atualiza datas das sessões até julho

A câmara municipal de Sinop informou que, conforme calendário...
PUBLICIDADE