Política

Mauro Mendes decreta calamidade pública em Mato Grosso

O governador Mauro Mendes decretou, ontem à noite, estado de calamidade pública no âmbito da administração estadual devido os impactos socioeconômicos e financeiros decorrentes da pandemia coronavírus (Covid -19). A medida terá vigência de 90 dias e poderá ser prorrogada, caso haja necessidade. O governo deverá encaminhar nos próximos dias projeto de lei para a Assembleia Legislativa, para que a situação de calamidade seja reconhecida.

O governo fica dispensado de atingir os resultados fiscais e a limitação de empenho, o que autoriza o Estado a fazer despesas que não haviam sido previstas no orçamento, para conter a transmissão do vírus e oferecer os cuidados de saúde necessários. “O decreto é fundamental para podermos adotar as medidas necessárias à prevenção e ao combate à pandemia. Passamos por uma situação atípica e precisamos agir de forma rápida para conter a transmissão e garantir atendimento de saúde a quem necessitar”, destacou o governador.

Mato Grosso está com 9 casos confirmados, de acordo com boletim oficial divulgado ontem à tarde

Daqui a pouco, o governador abordará outras medidas

Em instantes mais detalhes

BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO CORONAVIRUS – 25/03

Hoje, dia 25 de março, Mato Grosso tem 326 casos suspeitos e 9 casos confirmados de #coronavírus.6 casos em Cuiabá,2 em Várzea Grande e1 em Nova Monte Verde.Os casos suspeitos estão em mais de 60 municípios do Estado.Lembre-se, a melhor prevenção é o isolamento social e adotar cuidados com a higiene!Confira a notícia completa ➡️ https://bit.ly/39pLMAo

Posted by Governo de Mato Grosso on Wednesday, 25 March 2020

Só Notícias (foto: assessoria)