terça-feira, 27/fevereiro/2024
PUBLICIDADE

Estado envia alimentos e produtos de higiene para famílias desabrigadas pela chuva em MT

PUBLICIDADE
Só Notícias

O governo do Estado informou, hoje, que está enviando equipes e cestas com alimentos para auxiliar as famílias atingidas pelas fortes chuvas, no final de semana, em Cáceres (210 km de Cuiabá). Cerca de 20 famílias, que tiveram suas casas alagadas, danificando móveis, eletrodomésticos, documentos e alimentos foram abrigadas na Escola Técnica Estadual de Cáceres, onde recebem alimentação. Os bairros mais atingidos são Cavalhada 1, 2, 3, Maracanãzinho, Betel, Vila Nova, Cohab Velha e Santa Cruz. 

O governador Mauro Mendes lamentou os estragos e determinou que o Estado ajude no atendimento aos moradores. “Desde que fomos informados das fortes chuvas que caíram em Cáceres, nossas equipes do Governo de Mato Grosso já vêm atuando para ajudar a população e a prefeitura. Seguimos à disposição do município e empenhados em mitigar os efeitos desse desastre para as famílias atingidas”, declarou.

O Corpo de Bombeiros Militar e da Polícia Militar têm auxiliado no resgate às famílias que tiveram suas casas alagadas. Bombeiros seguem prestando apoio aos moradores e realizando cortes de árvores que caíram e atingiram residências. A Defesa Civil do Estado também tem orientado a Coordenadoria Municipal de Defesa Civil para as ações emergenciais.  Quatro equipes foram enviadas ao município para auxiliar no levantamento dos danos provocados pela chuva e do número de desabrigados e desalojados.

A pedido da primeira-dama Virginia Mendes, uma equipe da secretaria estadual de Assistência Social e Cidadania (Setasc) vai ao município entregar alimento, kits de higiene, leite, cobertores e filtros de água. “Desde que soube do alagamento devido às fortes chuvas, acionei o Governo do Estado para que as famílias desabrigadas fossem socorridas. Desde então, as equipes do Governo e da Prefeitura estão atuando juntas para atender a população. Gratidão ao Governo, Prefeitura, Setasc, Defesa Civil e todos os voluntários envolvidos nesta grande ação humanitária. Vamos orar pela população e trabalhar para dar um pouco de conforto a essas famílias”, disse.

Conforme Só Notícias já informou, a prefeitura decretou estado de emergência e calamidade pública devido as fortes chuvas.

Receba em seu WhatsApp informações publicadas em Só Notícias. Clique aqui. 

COMPARTILHE:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias
Relacionadas

Deputados mato-grossenses reforçam ato com Bolsonaro em São Paulo

Os deputado federais Amalia Barros, José Medeiros, coronel Fernanda...

Governador confirma apoio para prefeito de Colíder disputar reeleição

O governador Mauro Mendes afirmou, na sexta-feira, ao visitar...
PUBLICIDADE