Política

Com repasse de R$ 600 mil da câmara, prefeitura de Sinop pode comprar 17 mil kits Covid

Está na conta da prefeitura o valor de R$ 600 mil que a câmara municipal devolveu para compra de aproximadamente 7 mil kits Covid-19. O comprovante do depósito foi apresentado ontem (6) durante sessão ordinária. O dinheiro está na conta única do Município e os vereadores esperam que a prefeita Rosana Martinelli (PL) encaminhe, ainda esta semana, o Projeto de Lei fazendo o remanejamento dos recursos para uma conta da secretaria municipal de Saúde. A urgência se deve ao fato de que a próxima sessão ordinária, marcada para segunda-feira (13), é a última antes do recesso parlamentar.

O recurso devolvido é oriundo do duodécimo do Legislativo e foi requerido pelo vice-presidente da Casa, vereador Leonardo Visera (Patriota) com a sugestão de investimento na compra dos kits Covid-19, embora a prefeitura possa utilizar o recurso como melhor entender. O parlamentar entende que o tratamento precoce pode ajudar a salvar vidas e economizar recursos da saúde.

No dia 25, a prefeitura anunciou a compra de 10 mil kits Covid-19. Se os R$ 600 mil forem, de fato, aplicados conforme desejo dos vereadores, o município poderá ter 17 mil kits à disposição da população, mediante receituário médico. Cada kit é composto por hidroxicloroquina, azitromicina, zinco, ivermectina, ácido acetilsalicílico e ibuprofeno, uma combinação que, defendem alguns médicos, ajuda a combater o vírus no estágio inicial.

Além destes, a prefeitura poderá contar com kits comprados pelo Governo do Estado, que ontem, conforme Só Notícias informou, comprou grande quantidade para ser distribuídos aos 141 municípios mato-grossenses.

Este é a segunda devolução de dinheiro da Câmara para a prefeitura num intervalo inferior a dois meses. Além dos R$ 600 mil para a Saúde, foram devolvidos R$ 300 mil para a Diretoria de Cultura investir no apoio aos artistas de Sinop.

Só Notícias/Marco Stamm (foto: Só Notícias/arquivo)