Polícia

Sinop: bandido se passa por ‘amiga’ no WhatsApp e faz jovem transferir R$ 750

A denunciante, de 20 anos, moradora do Jardim Umuarama, teve um prejuízo de R$ 750 ao cair em golpe praticado por um estelionatário. Ela disse aos policiais que o criminoso entrou em contado se passando por uma amiga e pediu a quantia alegando que seria para pagar um fornecedor.

A jovem ainda relatou aos investigadores que após fazer a transferência, a verdadeira amiga ligou relatando que não estava conseguindo entrar no WhatsApp e seu aplicativo estava clonado. Ela entregou a chave Pix por onde fez a transferência para ajuda nas investigações.

Em outro caso, conforme Só Notícias já informou, um homem, de 64 anos, teve um prejuízo de R$ 8 mil ao ter sua conta bancária invadida por criminosos. Segundo a versão apresentada aos investigadores, o primeiro desvio foi de R$ 3 mil, através de Pix e o segundo de R$ 5 mil, feito por Transferência Eletrônica Disponível (TED).

Ele contou aos policiais que recebeu mensagem pedindo para fazer atualização da sua conta para evitar fraude e confirmou os dados. Posteriormente, ao pagar uma conta de uma pizzaria, percebeu os lançamentos feitos pelo criminoso.

Só Notícias/David Murba (foto: Só Notícias/arquivo)