Polícia

Preso acusado de matar presidente de autarquia em MT; crime seria vingança por demissão de esposa

A Polícia Militar prendeu um dos suspeitos de envolvimento no assassinato de Terezinha Silva de Souza, de 53 anos. A presidente do Serviço de Saneamento Ambiental de Rondonópolis (Sanear) foi assassinada, na última sexta-feira, na região da rua Otávio Pitaluga, no centro de Rondonópolis (217 quilômetros de Cuiabá). De acordo com informações da Polícia Militar, os tiros foram na cabeça. Ela chegou a ser socorrida, mas não resistiu.

A assessoria da PM informou que, neste domingo, recebeu informações sobre a localização de um dos acusados de envolvimento no crime. Conforme a denúncia repassada à equipe tática, o suspeito seria um vigilante armado do hospital regional e estaria em uma residência no bairro Dom Osório, onde também estaria a moto utilizada no assassinato.

A Polícia foi até o local indicado e iniciou buscas na residência, com autorização da proprietária, que seria mulher do acusado. De acordo com a assessoria, os militares encontraram capacetes semelhantes aos que foram utilizados pelos dois criminosos, além de uma pasta do Sanear e uma motocicleta Honda CB 300 vermelha, também com características parecidas com a utilizada no homicídio. Segundo a assessoria, a moto estava com indícios de alteração. Nenhuma arma foi encontrada.

O acusado negou participação no crime e afirmou que estava em casa no momento do crime. Ele foi encaminhado para a delegacia de Polícia Civil. A Polícia Militar divulgou que o crime pode ter sido motivado por vingança, já que a mulher do suspeito havia sido demitida do Sanear, após cinco anos de serviço, por determinação de Terezinha e “de forma ríspida, após discussões”.

Conforme Só Notícias já informou, Terezinha fazia o trajeto de casa para o trabalho, em uma Ford Ranger branca. A versão investigada é que a caminhonete foi seguida por dois homens, em uma moto (marca e modelos não informados) e um deles efetuou os disparos. A vítima deu entrada às 7h10 na Santa Casa Rondonópolis, já sem vida.  O motorista que conduzia o veículo nada sofreu.

Terezinha comandava a autarquia desde 2017 e foi mantida com a reeleição do prefeito Zé Carlos do Pátio, em novembro do ano passado. O Sanear é uma autarquia municipal responsável pela administração do sistema de captação, tratamento e abastecimento de água, coleta e tratamento de esgoto sanitário, coleta e destinação final de resíduos sólidos de Rondonópolis.

 

Só Notícias/Herbert de Souza (foto: assessoria)