Polícia

Polícia confirma que pecuarista e funcionária foram assassinados a tiros no Nortão

A Polícia Civil confirmou, ao Só Notícias, que o pecuarista Walmor Gonçalves dos Santos, de 71 anos, e da secretária dele, Aparecida Luciano Nogueira, de 49 anos, foram assassinados a tiros. Segundo informações de uma policial, inicialmente não foi constatado se foi levado algum objeto de valor da propriedade para caracterizar um latrocínio (roubo seguido de morte). A equipe começou a fazer os primeiros levantamentos para definir qual será a linha de investigação do crime.

O local do crime também foi analisado pela Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec). Foram coletados dados que vão auxiliar no apontamento de possíveis suspeitos de envolvimento com as mortes.

Walmor e Aparecida foram sepultados ontem em Juara. Os corpos foram encontrados em uma residência, em uma chácara, a cerca de 1,5 quilômetro do centro da cidade, na última terça-feira. Preliminarmente, foi constatado que os dois estavam mortos há mais de cinco dias no imóvel. Só Notícias tentou contato, mas a família evitou falar sobre o ocorrido e apontar se o pecuarista costumava ficar dias sem entrar em contato.

De acordo com informações do Sindicato dos Madeireiros de Juara, Walmor foi um dos pioneiros do município e madeireiro por muitos anos – era dono de serraria e trabalhou por cerca de 15 anos no setor.

 

Só Notícias/Cleber Romero