Polícia

Mais uma moradora de Sinop denúncia que teve auxílio emergencial desviado

A idosa, de 63 anos, moradora do bairro Jardim das Violetas denunciou na delegacia de Polícia Civil que teve o auxílio emergencial, de R$ 600, desviados. Ela recebeu a primeira parcela do benefício, mas a segunda foi retirada de sua conta sem a autorização.

De acordo com o boletim de ocorrência, uma conta digital foi aberta com os dados pessoais da vítima. Diante disso, o criminoso teve acesso ao montante e conseguiu desviá-lo para outra conta bancária.

Denúncias de desvio do auxílio emergencial tem se tornado frequentes em Sinop. Na última semana, uma mulher, de 60 anos, moradora do bairro Jardim das Acácias denunciou que o criminoso criou uma conta em um aplicativo com seus dados e conseguiu movimentar o dinheiro. O montante foi utilizado para pagar um boleto.

Dias antes, uma mulher, de 58 anos, denunciou que teve o dinheiro do auxílio usado indevidamente para pagar um boleto. Anteriormente, houve outra denúncia com o mesmo modo de golpe. No início deste mês, mais duas mulheres tiveram contas fraudadas, em Sinop, e perderam dinheiro do auxílio.

Só Notícias/Luan Cordeiro (foto: assessoria/arquivo)