Polícia

Cuiabá: concedido habeas corpus para adolescente acusada de matar amiga

A adolescente, 15 anos, apreendida ontem, no início da noite, ganhou liberdade através de habeas corpus, concedido esta manhã, pelo desembargador Rui Ramos. A acusada de matar a amiga Isabela Cestari (foto), 14 anos, com tiro no rosto, ficou menos de 11 horas detida no Centro Socioeducativo Menina Moça, em Cuiabá. A defesa alegou ilegalidade na medida, o que foi aceito na concessão do habeas corpus.

“A decisão, em razão da sua ilegalidade, foi cassada pelo Tribunal de Justiça de Mato Grosso”. “A menor responderá em liberdade à acusação que lhe foi imputada”, disse o advogado Artur Osti, responsável por defendê-la.

A determinação inicial,  da Vara da Infância e da Juventude de Cuiabá, tomada ontem, era que ela ficasse internada preventivamente por 45 dias.

A jovem deve ser liberada esta manhã.

 

Só Notícias/Gazeta Digital (atualizada 10:52h - foto: arquivo/reprodução)