Geral

Vendedor assassinado a tiros será sepultado em Sinop; polícia procura criminoso

Luiz Carlos Lidani, de 33 anos, é velado no memorial da funerária Luz e Vida, na avenida das Embaúbas, e o sepultamento está previsto para esta quinta-feira de manhã. Ele foi encontrado morto a tiros, ontem à noite, na residência em que morava, na rua das Ameixeiras, no Jardim Celeste. Ele trabalhava como vendedor em uma empresa, no setor industrial, era solteiro e deixou dois filhos menores de idade.

A polícia ainda não apontou se trata-se de latrocínio (roubo seguido de morte), execução ou outra hipótese para esclarecer o caso e chegar ao assassino. Só Notícias não conseguiu contato com delegado responsável pelas investigações mas a Polícia Civil está trabalhando para elucidar o crime e uma fonte informou que algumas pessoas foram ouvidas. No local, foram encontradas 11 cápsulas de pistola calibre 380. Um policial apontou, ontem à noite, que preliminarmente Luiz teria levado 10 tiros. A necropsia foi feita esta tarde.

De acordo com o perito Fabiano Cardoso, na casa havia sinais de arrombamento e vestígios de um calçado na superfície onde provavelmente chutaram a porta. “Por falta de contato com a vítima, alguém adentrou a casa e a encontrou já falecida. Pela análise que fizemos, da rigidez do corpo, (ocorreu) há cerca de 12 horas”, explicou, ontem à noite, ao sair do local do crime, onde fez a perícia.

 

Redação Só Notícias/Hebert de Souza (colaborou-fotos: Só Notícias/José Carlos Araújo/reprodução - atualizada 08:34h em 16/5)