Geral

TRE esclarece minireforma eleitoral

O Tribunal Regional Eleitoral realizou hoje, reunião com os membros dos partidos políticos do estado para tratar da minireforma eleitoral, especialmente das resoluções que regulamentam as prestações de contas, a arrecadação e aplicação de recursos nas campanhas eleitorais dos candidatos.

O presidente do TRE/MT, desembargador Antônio Bitar Filho, fez o discurso de abertura salientando que essas novas medidas não vão acabar definitivamente com o caixa 2, mas vão servir para diminuir tal prática. Ele assegura que a justiça eleitoral não tem estrutura para fiscalizar todo o processo e espera que a sociedade participe, denunciando as irregularidades.

Em seguida, a coordenadora do Controle Interno do Tribunal, Denise Aparecida de Souza Melo, esclareceu as mudanças das resoluções, citando cada alteração e explicando o que a mesma significava no processo eleitoral.

Durante a reunião, os presentes puderam esclarecer as dúvidas, que ainda podem ser encaminhadas por e-mail, no endereço [email protected]

Estavam presentes também Edivaldo Rocha dos Santos, secretário judiciário, substituindo o diretor geral, Mauro Sérgio Rodrigues Diogo. E a chefe da Seção de Contas Eleitorais e Partidárias, Marli Osorski além de 114 inscritos para participar do evento.