Geral

Mato Grosso ainda é Estado com maior número de queimadas

O mês de setembro já registra uma pequena queda no número de focos de calor registrados pelo Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). No mês de julho, em que iniciou o período de proibição de queimadas, foram registrados 4.378 focos, em agosto com um aumento de 66 %, foram 13.017 focos. Nesses sete primeiros dias do mês foram 2.786 registros de queimadas, sendo 1.200 só no último sábado. Mesmo com uma pequena diminuição, Mato Grosso ainda é o estado com maior número de queimadas, seguido de Rondônia com 2.197 focos.

Segundo as imagens do satélite NOAA-12, nos dois últimos dias foram registrados 785 focos de calor. Em Juara foram 25 focos só na terça-feira. União do Sul entrou em estado de alerta com 15 focos de incêndios, maioria florestais, registrados somente ontem, seguido de Vera com seis registros.

O período de proibição deve terminar na próxima quinta-feira, com a aproximação do período de chuvas na região, que geralmente inicia no final de setembro.