Geral

Acusado de matar ex-mulher será julgado no mês que vem no Nortão

Será levado a júri popular, no dia 16 de fevereiro, o principal suspeito de assassinar Rosilene Pereira Bezerra, 39 anos. A vítima foi morta a tiros, em março do ano passado, no bairro Bom Jesus, em Colíder (160 quilômetros de Sinop).

Rosilene estava no quintal da própria casa, quando o ex-marido teria chegado em uma motocicleta, atirado e fugido. Horas depois, o suspeito se apresentou no quartel da Polícia Militar da cidade de Nova Canaã do Norte e entregou uma arma.

Na época, o homem contou que teria cometido o crime porque a vítima não queria conversar com ele. Ele justificou ainda que “perdeu a cabeça e acabou atirando na vítima”. Rosilene trabalhava em uma loja na cidade e morreu antes de ser socorrida.

O ex-marido foi levado à delegacia, interrogado e autuado em flagrante delito por feminicídio. O processo penal do caso está em segredo de Justiça e a data do júri foi publicada no Diário de Justiça.

Só Notícias/Herbert de Souza