Esportes

Tribunal suspende semifinal até julgar denúncia de irregularidade na Copa FMF

O Tribunal de Justiça Desportiva, da Federação Mato-grossense de Futebol, deferiu, esta tarde, liminar suspendendo o início das semifinais da Copa FMF. A próxima fase estava previsto para começa neste final de semana. A liminar foi concedida após o Mixto Esporte Clube oferecer notícia de infração contra o Cuiabá Esporte Clube, alegando que o atleta Sávio Gabriel das Neves Curado estaria jogando de forma irregular durante os jogos da 1ª fase.

A diretoria de competições da federeação aguarda a apreciação do mérito da questão, pela 1ª comissão Disciplinar Desportiva do TJD, para dar prosseguimento na competição, confirmando os jogos das semifinais da competição com datas e horários. Até o presidente do Tribunal de Justiça Desportiva (TJD), Jorge Miraglia Jaudy, dar um desfecho para o caso denunciado pelo Mixto na escalação do volante, os jogos ficam suspensos. O departamento aguarda um respaldo do TJD para oficializar a tabela de semifinal.

A entidade quer evitar o que ocorreu ano passado quando o torneio seletivo à Copa do Brasil 2018 se transformou em verdadeira guerra judicial, envolvendo o União de Rondonópolis que, a princípio, foi punido com a perda de pontos por uma suposta escalação irregular de um de seus jogadores. Na briga no tapetão, o Cuiabá já comemorou o título de campeão em cima do Dom Bosco, que em seguida deixou de ir para a Copa do Brasil por decisão do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). No caso, o ‘Dourado’ foi obrigado, só em abril deste ano, voltar a decidir o título com o União, que acabou sagrando-se vencedor da competição.

Só Notícias/David Murba (foto: assessoria/arquivo)