quinta-feira, 29/fevereiro/2024
PUBLICIDADE

São Paulo e Brasiliense empatam em 3 a 3 pelo Brasileirão

PUBLICIDADE

Os jogadores e a comissão técnica do São Paulo não conseguiram a vitória que pretendiam para continuar brigando pelo título do Campeonato Brasileiro. Depois de utilizar o time reserva em várias partidas da competição, o técnico Paulo Autuori escalou os titulares e apenas empatou com o Brasiliense, por 3 a 3, nesta quarta-feira, na Boca do Jacaré.
Tardelli, Danilo e Rogério Ceni fizeram os gols do São Paulo. Márcio Careca e Régis diminuíram para o Brasiliense. Aos 48 minutos do segundo tempo, Igor empatou o jogo após cruzamento de Marcelinho Carioca. O time da casa fez uma boa partida e mereceu o empate.

Com o resultado, as duas equipes seguem empatadas com 16 pontos ganhos. O São Paulo volta a jogar neste sábado, às 18h10, no Morumbi, contra o São Caetano. No mesmo dia, o Brasiliense enfrenta o Botafogo, no Rio de Janeiro.

O jogo
O São Paulo fez um bom início de jogo. A alteração de Paulo Autuori no esquema tático provou ser eficaz. Como o treinador pretendia, o ataque ficou mais leve e habilidoso. Aos seis minutos do primeiro tempo, Tardelli tabelou com Souza e fez um lindo gol.

O Brasiliense não se entregou e mostrou bons contra-ataques. Iranildo e Marcelinho tentavam municiar os laterais, mas as jogadas demoraram a sair perfeitas. Aos 18 minutos, Marcelinho deu toque inteligente para a chegada de Márcio Careca. O lateral bateu firme na bola, que desviou em Fabão antes de enganar Rogério Ceni.

O Brasiliense foi atrás do jogo e o São Paulo passou a acertar bons contra-ataques. O quarteto avançado, formado por Souza, Danilo, Tardelli e Amoroso tocou bem a bola e criou muitas chances de gol.

Aos 26 minutos, Souza bateu de longe e o goleiro Eduardo soltou. Danilo estava atento no rebote e chutou para fazer 2 a 1. O jogo permaneceu equilibrado, mas a calma e categoria do São Paulo foram essenciais para manter este resultado até o final do primeiro tempo.

Após o intervalo, o técnico Paulo Autuori tirou Souza e quis reforçar a marcação com Edcarlos. Mesmo no 3-5-2, o Brasiliense conseguia enfiar bolas nas costas dos são-paulinos. Apesar da superioridade aparente, o Tricolor mais uma vez definiu seu futuro na qualidade individual de seus jogadores.

Amoroso foi derrubado próximo da área e Rogério Ceni foi para a bola. O goleiro bateu com perfeição e fez 3 a 1. O Brasiliense mais uma vez não desistiu e continuou fazendo uma boa partida.

Aos 17 minutos, Marcelinho Carioca colocou muita curva na bola em cobrança de falta. O zagueiro Régis apenas desviou com a barriga e diminuiu para o Brasiliense. Rogério Ceni não pôde evitar o gol.

A partida seguiu equilibrada até o final. O Brasiliense esteve perto de empatar e o São Paulo também teve chances de ampliar a vantagem. Aos 48 minutos, Igor fez gol de cabeça e salvou o time da casa: 3 a 3.

COMPARTILHE:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias
Relacionadas

Cuiabá conhece adversário das oitavas na Copa Verde

Bicampeão da Copa Verde, o Cuiabá conheceu o seu...

Grêmio é derrotado pelo São Luiz e volta a perder título da Recopa Gaúcha após 3 anos

O São Luiz conquistou seu primeiro título da temporada....
PUBLICIDADE