Esportes

Após derrota Chamusca elogia qualidade do América mas diz que Cuiabá merecia vencer

O treinador do Cuiabá, Marcelo Chamusca, que perdeu a invencibilidade no Dourado ontem ao ser derrotado pela América-MG por 2 a 0 dentro da Arena Pantanal pela 35ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, não viu nenhum desastre no resultado. Ele preferiu elogiar o adversário, a quem chamou de “qualificado” e “cirúrgico” ao marcar os dois gols. No entanto, o comandante do time mato-grossense disse que merecia um resultado melhor, principalmente pelo segundo tempo.

“Foi um jogo contra um adversário muito qualificado e, em termos de performance, foram dois tempos bem distintos. No primeiro tempo o América teve mais posse de bola, não criou grandes oportunidades, mas finalizou um pouco mais do que o Cuiabá e nós tivemos um pouco mais de dificuldades para marcar. No segundo tempo houve uma mudança muito grande de postura, subimos um pouco mais a nossa primeira linha e começamos a pressionar o América e deixamos eles sem espaço para saírem jogando como no primeiro tempo e começamos a ter o controle total do jogo. A verdade disso é a seguinte: o América foi finalizar de verdade numa bola já no final do segundo tempo, que foi o lance do segundo gol”, analisou.

Conforme Só Notícias informou, o primeiro gol saiu aos 35 do primeiro tempo. Júnior Viçosa ajeitou para Matheusinho, que, de perna esquerda, bateu e venceu o goleiro Victor Souza. Os mineiros conseguiram segurar a pressão do Cuiabá e, nos minutos finais do segundo tempo, ampliaram com Juninho. O camisa 8 recebeu passe de Viçosa e tocou na saída do goleiro mato-grossense.

Com o resultado, o Cuiabá permanece em 8º, com 50 pontos. A equipe está a 4 pontos do Coritiba, último colocado no G4. Os paranaenses, no entanto, têm um jogo a menos. Já o América-MG entra de vez na zona de classificação e está em 3º, com 55 pontos.

O Dourado ainda tem três jogos pela Série B. O próximo é no domingo (17), contra o Figueirense, no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC). No dia 23, pega o Botafogo paulista, em Ribeirão Preto (SP). O último jogo será contra o Vila Nova, no dia 30, na Arena Pantanal.

Além da briga na Série B, o Cuiabá também tem pela frente a disputa pela Copa Verde. O primeiro duelo da final contra o Paysandu será na próxima quinta-feira (14), na Arena Pantanal. O jogo de volta está marcado para o dia 20 deste mês, no estádio Mangueirão, em Belém (PA).

Só Notícias/Marco Stamm, de Cuiabá (foto: assessoria/arquivo)