Economia

Nova Mutum: começa cobrança do alvará para empresas e secretário prevê arrecadar R$ 2,8 milhões

As empresas devem pagar o alvará de funcionamento até o final de fevereiro. A cobrança começou este mês para aproximadamente 3,5 mil estabelecimentos comerciais, industriais e prestadores de serviços.

O secretário de Finanças e Orçamento de Nova Mutum, Agenor Darci Przendziuk, projetou, em entrevista, ao Só Notícias, que a prefeitura deve arrecadar mais de R$ 2,8 milhões com o pagamento do alvará.

“Aqui temos a licença de funcionamento de estabelecimentos comerciais e, por isso, micro e pequenas empresas não estão englobadas nesse número e não pagam essa taxa”. “A emissão do documento para pagamento pode ser feita através do site da prefeitura, com os dados do responsável e do comércio”, destacou.

Ainda de acordo com o secretário, a cobrança começou no dia “1º mas é de praxe em Nova Mutum prorrogarmos esse período até o dia 28 de fevereiro. Todos os anos acabamos aumentando o tempo para o recolhimento”.

Apesar do período maior, não há opção de parcelamento. Já para os empresários que não quitarem a taxa dentro do período, Agenor ressaltou que “os proprietários podem sofrer penalização de até 0,5% mensais”.

Redação Só Notícias (foto: assessoria/arquivo)