SocialNews

Morre o cantor Marciano que formou com João Mineiro uma das principais duplas sertanejas

A música sertaneja perdeu hoje um dos seus principais protagonistas. O cantor José Marciano, o Marciano, que por anos fez dupla com João Mineiro, morreu, esta madrugada, aos 67 anos. Ele teve um infarto e não resistiu. A informação foi confirmado ao UOL pela ex-assessora e amiga da família Mayla Tauany. Ele morreu dormindo em casa, em São Caetano (SP), por volta das 2h da manhã. Aparentemente, ele não apresentava nenhum problema grave de saúde. Ainda não há informações sobre o velório e o enterro.

Cantores e outros artistas divulgaram mensagens lamentando a morte de Marciano e destacando sua grande importância na música sertaneja (clique e leia repercussão)

Chamado de “O Inimitável”,  ficou famoso por dar voz a canções como “Ainda ontem chorei de saudade”, “Bailarina”, “Fio de Cabelo”, “Crises de Amor”, “Paredes Azuis”, “Menina Escuta Meu Conselho”. Desde os 16 anos ele fez parceria com João Mineiro e já na década de 1970 começou a se destacar no cenário sertanejo.

Recentemente, ele fez parceria com Milionário, após a morte do ícone José Rico, que ocorreu em 2015. Marciano e Milionário fizeram shows em dezenas de cidades. No Mato Grosso, uma das últimas apresentações foi em Sorriso, em 2016, onde cantaram os grandes sucessos das duas duplas.

O filho do cantor, Fabiano Martins, que não mantinha uma boa relação com o pai, postou no Instagram uma nota lamentando a morte. ” Morre um dos maiores cantores sertanejo desse país. E é com uma imensa tristeza que informo ao meus amigos que meu Pai sofreu um infarto fulminante nessa madrugada e foi morar com Deus. João Mineiro e Marciano ficará eternizado em nossos corações”, escreveu.

Só Notícias com UOL (fotos: Só Notícias/Luiz Ornaghi e assessoria/arquivo)
Tags