SocialNews

Maisa dispara contra rumor de gravidez: ‘escalem de volta pros úteros das mães’

Maisa Silva ficou bastante irritada ao se deparar com rumores de gravidez. Namorando há pouco mais de um ano com Nicholas Arashiro, a adolescente ironizou internautas que estão circulando com uma montagem usando uma foto sua e de uma mulher grávida. “Tô grávida de cada um deles só de for, né? Nossa, que ódio. Se com 16 anos falam essas coisas de mim imagina quando eu virar adulta? Alô, não é porque uma mulher tem útero que ela vai ter uma criança, tá? Obrigada. Escalem de volta pros úteros das suas mães que o universo agradece”, disparou ela, que ira lançar seu primeiro talk-show neste próximo sábado.

‘É chuva de fake news’, dispara Marquezine

Em seguida, um fã opinou sobre a situação e a artista afastou a pressão que as mulheres têm para passar pela gestação. “Maisa quando for engravidar, ela vai engravidar lá para os 27. Escrevam aí”, opinou um seguidor. “Mano, eu não sei nem se eu quero ter filho, sabe? É muito chata essa cobrança”, rebateu ela. Amiga da famosa na rede social, Bruna Marquezine a apoiou mediante aos boatos. “É um saco! Da noite pro dia tudo mundo e é chuva de fake news”, disparou. Ainda esta semana, a atriz desabafou em sua conta que havia se tornado “refém” da vida virtual.

Atriz inspira Bruna à voltar ao Instagram. Entenda!

Cada vez mais próxima de Marquezine, Maisa contribuiu para que a ex-namorada de Neymar reativasse sua conta do Instagram. Após “momento de recolhimento”, a carioca revelou inspiração na adolescente para retomar sua conta: “Fui surpreendida de manhã pela mensagem de uma jovem mulher que admiro muito, a Maisa. E a mensagem dela me emocionou de uma forma inesperada, não só pelo conteúdo de extrema delicadeza e maturidade e pelo apoio que ela me ofereceu, mas porque ela me enche de esperança nas próximas gerações e me inspira. Ajuda ter ao nosso lado mulheres maravilhosas, que nos ensinam quando erramos e celebram nossas conquistas, porque para nos julgar nunca faltou gente nesse mundo patriarcal. Acho que por isso ver a militância extremamente consistente e coerente de uma menina de 16 anos que já consegue compreender tão bem a importância e o conceito de feminismo me emociona tanto, me faz querer lutar, me dá força e me enche de coragem. Aproveitemos hoje, mulheres, para aplaudir aquelas que na história tanto fizeram por nós, nos permitindo estar aqui hoje usufruindo dos nossos direitos e lutando por mais. Para essas sim deixemos os parabéns e toda nossa gratidão. Nunca serão esquecidas!”.

Purepeople (Foto: Instagram)
Tags