Saúde

Quase 3 mil animais serão vacinados contra a raiva em Nova Mutum

Começa às 08:00h, nas escolas e postos de saúde de Nova Mutum, a vacinação contra a raiva para cães e gatos. Em todo o município devem ser vacinados 532 gatos e 2.361 cães.

Em toda a região Norte, mais de 40 mil animais devem receber a vacina contra a doença, que pode matar as pessoas que tiverem contato com animais portadores do vírus. Em 2004, foram registrados 107 casos da doença no Estado.

A raiva pode matar uma pessoa que não seja tratada após o contato com um animal raivoso. A doença pode causar confusão, problemas de respiração e ataques. Estes sinais podem não se manifestar durante duas até oito semanas. A esse ponto, já não há cura e a pessoa morrerá.

A raiva é uma antropozoonose transmitida ao homem pela inoculação do vírus rábico, contido na saliva do animal infectado, principalmente pela mordedura. Apresenta 100% de letalidade, e é transmitida por cães e gatos, em áreas urbanas, mantendo-se a cadeia de transmissão animal doméstico e homem.

A raiva animal pode se apresentar de duas formas, furiosa onde os aspectos clínicos se caracterizam por angústia, excitação, tendência a agressões, alterações no latido, dificuldade de deglutição, sialorréia, incoordenação motora, convulsões, coma e morte; e muda ou paralítica onde os aspectos clínicos são a fotofobia, paralisia, dificuldade de deglutição, sialorréia, coma e morte. O curso da doença dura em média 10 dias, e o animal pode estar eliminando o vírus na saliva desde o 5º dia antes de apresentar os sintomas.