Saúde

Quarenta crianças são operadas em mutirão pediátrico no Hospital Estadual Santa Casa

O Hospital Estadual Santa Casa vem realizando desde ontem, o 9º mutirão de cirurgias da unidade hospitalar. Organizada pela secretaria de Estado de Saúde (SES), a ação é voltada ao público infantil e contempla 40 pacientes que aguardavam pelos procedimentos pediátricos de postectomia – fimose – e hernioplastia. Alguns estavam na fila de espera desde 2016.

A iniciativa englobou pacientes dos municípios de Cuiabá, Várzea Grande, Chapada dos Guimarães, Sinop, Sorriso, Arenápolis, Acorizal, Jangada, Nossa Senhora do Livramento, Porto Esperidião, Nova Brasilândia, Nova Lacerda, Nova Monte Verde, Querência e Barra do Garças.

“A Santa Casa atende não apenas aos cidadãos da Baixada Cuiabana, mas sim de todo  Mato Grosso, e trabalha na viabilização do atendimento aos pacientes que já esperam há anos por um procedimento cirúrgico”, explicou o secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo.

Com mais de seis meses de funcionamento, o Hospital Estadual Santa Casa já realizou nove mutirões de consultas e cirurgias nas mais diversas especialidades da medicina. Apenas por meio dessas ações de mutirão, a unidade já viabilizou 482 consultas especializadas, 168 cirurgias gerais, 25 procedimentos de cateterismo, 68 cirurgias pediátricas e 100 mamografias.

Conforme explica a diretora do Hospital Estadual, Patrícia Dourado Neves, a atual gestão da SES busca, por meio dessas ações, ampliar o acesso da população aos procedimentos cirúrgicos eletivos, visto que há uma grande demanda reprimida.

“Esses mutirões vêm ao encontro do sistema de regulação, que soma todas as demandas reprimidas do Estado. Buscamos atuar no descongestionamento dessa fila de espera, que inclui pacientes que aguardam há anos por um procedimento. Então o objetivo central dessa ação é ampliar o acesso ao serviço e reduzir ao máximo a fila de espera”, concluiu a gestora.

As informações são da assessoria.

Redação Só Notícias (foto: assessoria)