Saúde

Hospital Regional de Colíder terá ampliação com 20 leitos de UTI e 10 indígenas

O projeto está temporariamente suspenso por questões burocráticas e orçamentárias, mas a previsão é que as obras de ampliação do Hospital Regional de Colíder iniciem no próximo mês. Através de uma parceria com a secretaria estadual de Saúde aproximadamente R$ 2 milhões foram destinados para a construção dessas obras, que correspondem à 10 leitos de UTI Neo-natal, 10 adultos, 20 leitos de enfermaria maternidade, 20 cirúrgicos e clínicos e 10 leitos indígenas.

“Primeiro vamos começar pela ampliação do laboratório, assim que estiver pronto daremos início à construção dos novos leitos”, disse ao Só Notícias, a diretora geral do hospital, Sonilde Gomes Aldavi. Segundo ela, assim que as obras tiverem início devem ser finalizadas em 2 anos. “Dependemos de liberação financeira”, ressaltou.

Hoje o Hospital atende a 3 micro regiões do extremo norte de Mato Grosso o que corresponde a 6 municípios, é considerado uma unidade de média complexidade. Com a ampliação será necessária, ainda, a contração de mais 200 profissionais, entre médicos, enfermeiros, auxiliares e zeladores, para atender toda a demanda de atendimentos.

“Nós atendemos muitos usuários pelo SUS (Sistema Único de Saúde) e com esta ampliação vamos formar parcerias com outras regionais. Assim vamos aumentar nossos atendimentos, buscando evitar que um grande número de pessoas se dirija à Capital”, salientou.

No hospital não tem nenhum leito de UTI e aproximadamente 4,5 mil pacientes são atendidos por mês, uma média de 10 mil procedimentos. Ao todo tem 300 profissionais e 54 leitos, divididos em cirúrgicos, obstétricos, clínicos, pediátricos, de isolamentos e enfermarias em geral. O Hospital Regional de Colíder foi implantado em setembro de 1997.