Saúde

Diminuição da fumaça faz cair índice de doenças respiratórias em Sinop

Nesse período do ano, o aumento da fumaça e as variações climáticas, fazem com que as pessoas fiquem mais suscetíveis a doenças respiratórias, como gripes e alergias, aumentando os atendimentos nos postos e hospitais da cidade. Mas conforme dados fornecidos pela Secretaria de Saúde de Sinop, os atendimentos de crianças acima de dois anos com esses tipos de doenças ou viroses, tiveram queda em relação ao mesmo período do ano passado.

Nos meses de junho e julho de 2004, foram atendidas, respectivamente, 319 e 274 pessoas com infecção respiratória. Já no mesmo período em 2005, foram 240 em junho e 255 em julho, com uma média de 248 nos dois meses.

Segundo a enfermeira responsável, Susi Kinoshita, mesmo com a variação climática que atingiu a região, a diminuição de queimadas e da fumaça, foi o fator mais importante para a queda nos atendimentos. Ela também relatou que, geralmente, existe um aumento nos índices de fumaça, mas neste ano, devido as constantes fiscalizações, houve uma redução em relação aos anos anteriores.

Só Notícias apurou que em Sinop, atualmente, são 16 equipes do PSF (Programa de Saúde da Família), e 109 agentes de saúde. E conforme informações do Ibama, no ano passado foram registrados 25 mil focos de calor nesse período, e até meados do mês de junho foram apenas 7 mil, fator considerável para a diminuição da fumaça.