Saúde

Começa 2ª etapa da Fiscalização Preventiva Integrada em empresas de Sinop

Começou há instantes, uma nova vistoria da FPI (Fiscalização Preventiva Integrada) nas empresas do ramo turístico de Sinop. Cerca de 10 fiscais além de representantes do Corpo de Bombeiros, Vigilância Sanitária, Procon (órgão de defesa do consumidor), CREA (Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura), Prefeitura Municipal e Secretaria Municipal de Turismo, estão visitando as empresas que foram notificadas, quanto à irregularidades, no mês passado.
Receberam um prazo para que se regularizassem conforme as normas de segurança e higiene. Segundo a chefe do departamento de Vigilância Sanitária, Luciana Nogueira, o órgão dará um prazo menor para as empresas que ainda não se regulamentaram. “A maioria dos casos que notificamos não são muito graves, por isso daremos mais um prazo. Depois disso, se ainda tiverem empresas irregulares, poderemos multar”, salientou.

O comandante do Corpo de Bombeiros de Sinop, major Átila Vanderlei da Silva, afirma que pedirá a suspensão do alvará de funcionamento daquelas empresas que não se regularizarem. “A maioria dos estabelecimentos que vistoriamos e notificamos já se regularizou, mas se ainda faltar alguma, vamos pedir a prefeitura que tome uma medida mais drástica, como por exemplo, a suspensão do alvará”, reforçou.

Os resultados desta segunda etapa deverão ser divulgados até quarta-feira. A fiscalização termina às 17:00h e 28 empresas serão visitadas.