Saúde

171 casos confirmados oficialmente este ano em Sinop

448 notificações de dengue foram registrados de primeiro de janeiro até ontem pela Secretaria Municipal de Saúde. Porém, o número real é superior a este porque muitas pessoas e médicos não comunicam a secretaria quando diagnosticada a doença.
Para o secretário Valério Gobbato, a preocupação ainda está nos casos não informados, pois, para cada um há outros cinco que não chegam ao conhecimento do poder público.

As equipes de saude pública continuam trabalhando na aplicação do fumacê – veneno borrifado para matar o Aedes Aegypti na fase adulta, além das visitas in loco com os agentes. A região central ainda é um dos pontos onde são encontradas mais larvas.

“Sabemos que há outras notificações, pois muitos não procuram as unidades de saúde. Também, muitos focos ainda são encontrados nas calhas das residências”, disse. A conscientização da população, em não deixar água limpa e parada ainda é uma das melhores de prevenir a doença.