quarta-feira, 29/maio/2024
PUBLICIDADE

Coação no PT

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Serys voltou a atacar Carlos Abicalil por conta das prévias para o Senado. “As pessoas estão sendo coagidas. Estão oferecendo cargos para quem me apoiava na tentativa de conquistar apoio. Não sei agir dessa forma. Por isso eu temo muito pelo partido em Mato Grosso, pela forma como Abicalil está agindo. Isso, sem dúvida, não vai fortalecer o PT. É mais grave ainda porque deveríamos estar todos unidos neste momento em que temos a campanha com vistas à eleição da ministra Dilma Rousseff. A ganância dele está colocando em risco muita coisa. Seu interesse pelo poder é maior que o próprio PT de Mato Grosso”, disparou, em entrevista ao Diário.

 

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias

Prejudica a economia

O prefeito de Sinop, Roberto Dorner, participou, em...

Mais avanços

O governador Mauro Mendes afirmou, hoje, em encontro com...

Fraude à licitação e peculato

A Polícia Federal deflagrou, esta manhã, a operação Miasma,...

Vão pra Bahia

O governo Mauro Mendes (União) iniciou tratativas com uma...