Política

Várzea Grande: prefeito autoriza estudos para concurso público com até 200 vagas

O prefeito Kalil Baracat, autorizou a secretaria de Administração realizar estudos preliminares para o concurso público com preenchimento de vagas na Guarda Municipal, a primeira instituição deste modelo implantado em uma cidade no Estado. A projeção é de 150 a 200 vagas. O anunciou foi feito durante a entrega de 136 kits de uniformes para o efetivo operacional da guarda com colete a prova de balas e placa balística. O conjunto é renovado anualmente e também tem calça, gandola militar (parte superior da farda), duas camisetas, coturno e gorro, adquiridos com recursos próprios do município. No próximo mês, serão entregues os uniformes de passeio.  “É uma das mais importantes instituições de Várzea Grande” e “mais que repreender ações ilícitas, se consagra junto a opinião pública pelo serviço social que presta”, disse o prefeito.

“Temos entraves legais nesse momento de pandemia que cerceiam alguns investimentos e iniciativas do Poder Público, no entanto, tenho ciência da necessidade de ampliação de efetivo para aumentar a capilaridade da instituição que tem capacidade de contribuir com mais ações sociais e de prevenção junto à população. Mais que compromisso com a Guarda, estruturar a guarda é aumentar a segurança em Várzea Grande”.

“Em 2021, sem colocar em risco a saúde financeira de Várzea Grande, estaremos investimento R$ 200 milhões em obras e serviços que vão impactar em várias frentes de atendimento às demandas da população. Obras grandes, como uma nova UPA na região do Jardim Glória, obras de saneamento básico na ordem de R$ 100 milhões e 100 quilômetros de asfalto novo. Essas são uma das ações já desencadeadas. Temos a missão de resolver todos os problemas da cidade, valorizar os serviços e manter a estruturação da GM. Talvez resolver todos os problemas não seja possível, mas podem ter a certeza que essa gestão trabalha e se dedica arduamente para tudo dar certo, porque além de ter um várzea-grandense como prefeito, existe apoio dos 21 vereadores, da Assembleia Legislativa através dos seus deputados, do governo do Estado na pessoa do governador Mauro Mendes e seus secretários e da Bancada Federal através dos senadores Jayme Campos, Wellington Fagundes e Carlos Fávaro e dos oito deputados federais que tem contribuído com a cidade e com Mato Grosso”, declarou.

Kalil lembrou que abriu um caminho de interlocução com o presidente Jair Bolsonaro, através de articulação de Jayme e resultou nas visitas oficiais dos ministros, da Saúde, Marcelo Queiroga e de Infraestrutura, Tarcísio Freitas, que resultarão em avanços significativos para nossa cidade e nossa população.

Só Notícias (foto: arquivo/assessoria)