Política

Universitários de Lucas do Rio Verde conhecem o funcionamento do Governo

Quarenta alunos do curso de Direito da Faculdade de Lucas do Rio Verde – Univerde – tiveram hoje de manhã informações sobre o funcionamento do Poder Executivo e as ações realizadas pela administração estadual. Os acadêmicos foram recebidos pelo secretário-chefe da Casa Civil, Joaquim Sucena, no Palácio Paiaguás, que ao lado do superintendente da Defesa Civil do Estado, Domingos Iglesias, deu uma “aula” sobre o crescimento populacional de Mato Grosso e as funções desempenhadas pela secretaria no Governo.

Os acadêmicos fazem parte da primeira turma do curso de Direito da faculdade, tendo sido aprovados no vestibular realizado em fevereiro deste ano. A visita à capital faz parte das atividades de extensão do curso, para que os alunos conheçam a atuação da três poderes: Executivo, Legislativo e Judiciário. “Vamos mostrar a Capital a eles sob o âmbito político e administrativo que ela representa”, informou a professora de sociologia Quelen Gianezini, coordenadora das atividades.

“Esta é uma maneira de o Governo também ser conhecido pelos alunos, já que a maioria veio de outros Estados”, disse o secretário chefe da Casa Civil. Atentos as explicações do funcionamento da política governamental, os acadêmicos quiseram saber do secretário a função desempenhada pela Casa Civil. “É o elo de ligação entre o Governo do Estado e a população, do Governo e outros poderes e também o organizador, num jogo de futebol seria o técnico, junto a outras Secretarias, para a execução da política governamental”, informou.

Para o universitário Ibsen Hipólito Soares, de 25 anos, o contato direto com as autoridades que representam os poderes é uma experiência muito positiva. “É importante até para começarmos a definir em que área iremos atuar depois de formados”, disse. “É interessante vermos o funcionamento dos três poderes, ter o contato com as pessoas que realizam este trabalho”, avaliou o estudante, Lucas Gomes de Moraes, 26 anos.

A Faculdade de Lucas do Rio Verde está no seu terceiro ano de funcionamento. “É um momento muito importante porque marca também a passagem de uma faculdade jovem que está se estruturando para um momento de consolidação”, disse o diretor geral Miquelangelo Gianezini. “Ficamos honrados com a recepção calorosa que recebemos nesta visita ao Palácio”, disse.

Além das visitas ao Palácio Paiaguás, Tribunal de Justiça, Assembléia Legislativa, Promotoria de Justiça e Defensoria Pública, os acadêmicos também percorrerão as igrejas e construções que fazem parte do patrimônio histórico da Capital.