Política

TSE define sequência que eleitor em Mato Grosso deverá seguir nas eleições

O Tribunal Superior Eleitoral definiu que os 2,3 milhões de eleitores em Mato Grosso vão votar primeiramente para vereador, em seguida prefeito e, por último, senador no dia 15 de novembro, nas eleições municipal e a suplementar para uma vaga no Senado.

O Tribunal Superior Eleitoral disponibiliza um simulador de votação. Nele, uma urna virtual e idêntica a utilizada nas seções eleitorais é apresentada ao eleitor, que pode votar para os cargos em disputa nas eleições municipais. Na página há uma lista de candidatos e partidos fictícios. Caso o eleitor erre durante o procedimento de votação, o simulador vai apresentar uma mensagem explicativa, apontando o erro e ensinando como proceder corretamente.

O simulador só contempla a eleição municipal, pois é o pleito que ocorre em todo o país. A plataforma não contempla a eleição suplementar para um cargo de senador, que só acontece em Mato Grosso.

O eleitor que possui dificuldade em decorar números pode fazer uso de anotação com os nomes e números dos candidatos em ordem de votação. Essa prática é permitida no papel, mas é vedada em celular ou qualquer meio eletrônico. Também não é permitido levar o aparelho para a cabine de votação.

Redação Só Notícias