Política

Prefeitura de Sorriso divulga nota rebatendo acusações de vereador

A Prefeitura de Sorriso divulgou nota hoje rebatendo as denúncias feitas por vereadores de oposição sobre supostas irregularidades em processo de licitação. O vereador Adenir da Silva (Bia) é o autor das denúncias e chegou a ser mencionado que o prefeito seria denunciado ao Tribunal de Contas do Estado por não ter repassado informações requeridas pelo vererador. Adevanir denuncia que veículos foram comprados e as empresas vencedoras não emitiram notas fiscais.

Eis a íntegra da nota:

“Inconformado com o sucesso da atual administração, 3º suplente de vereador lança mentiras e calúnias. Para que uma estrutura de grande porte, como é a do Poder Executivo de Sorriso, funcione bem, é necessário que haja suporte, base firme e, principalmente, boa estrutura física. Quando a atual administração assumiu a Prefeitura Municipal de Sorriso, o Parque de Máquinas estava entregue ao abandono. As Secretarias não possuíam veículos para trabalhar, nem máquinas ou caminhões para coletar o lixo que tomava conta das ruas do município. “Era necessário tomar providências imediatas. Procuramos o prefeito, Dilceu Rossato, e reivindicamos novos veículos para que pudéssemos realmente trabalhar. Fomos prontamente atendidos”, conta o Secretário Municipal de Obras, Nery Cerutti.

Inicialmente foram adquiridos, através da Licitação 001/2005, 19 veículos, num total de R$ 599.885 em investimento. No total, cinco empresas adquiriram o Edital. Destas, três apresentaram proposta e as três venderam. Foram adquiridas 6 kombis com capacidade para 12 passageiros, uma caminhonete S-10 cabine simples; duas picapes Strada, uma van com 109 cv, duas motos e 7 carros Fiat Uno. “A nova frota de veículos da Prefeitura Municipal de Sorriso foi adquirida graças a economia feita no mês de janeiro, onde as licitações resultaram em capital para a Prefeitura”, explica Nery.

O secretário explica que um processo licitatório é “como tudo na vida”, tem começo, meio e fim. “A TP 001/2005 teve início com a posse dos secretários, foi-se tomando pé da situação nas secretarias e verificou-se as péssimas condições de uso dos veículos automotores, verdadeiras sucatas. Aí iniciamos o processo de renovação do Parque de Máquinas”. Para Nery, as acusações do terceiro suplente de vereador, Adenavir Pereira da Silva (Bia), são mentirosas, “enganam a população e pretendem acobertar os múltiplos erros deixados expostos pela Administração anterior, a qual o Suplente de Vereador é fortemente comprometido”.

Segundo os valores de compra estimados e os realizados, o Município contemplou uma economia, aproximada de R$ 120 mil. “Isso significa respeito com o dinheiro público, que agora está sendo usado de maneira correta. Agora sim, a administração tem mostrado respeito com os munícipes, administrando de forma transparente. Não serão calúnias como esta que mancharão a moral do poder executivo que tem mostrado realmente muito trabalho e seriedade”, conclui Nery. Além dos veículos, 10 novas máquinas foram adquiridas pela Administração Municipal e que vêm atendendo a intensa demanda das Secretarias Municipais de Obras e Transporte. Foram duas patrol, um trator de esteira, uma retroescavadeira, uma pá carregadeira, dois caminhões coletores de lixo e três caminhões basculantes. Além da reforma dos antigos caminhões de lixo e a aquisição de uma prancha para transporte de máquinas pesadas, um caminhão meloso, que abastece e dá suporte aos demais maquinários e a máquina de moer galhos, a única do Estado.

Através de documentos, o assessor jurídico da Prefeitura Municipal de Sorriso, Irineu Roveda Junior, comprova que o processo licitatório atendeu a todos os requisitos legais, com ampla divulgação e obedecendo rigorosamente ao que diz a Lei 8666. Conforme o que diz a lei, os pagamentos são feitos ao final do processo, após a entrega dos veículos e apresentação de toda a documentação, conforme proposta de preços vencedora. “O nobre terceiro suplente de vereador, Bia, deveria ver todo o processo e não somente o que ele acredita e que lhe convém. Da maneira como age, usando como forma de divulgação das calúnias um veículo de comunicação de sua propriedade, o suplente está apenas enganando a si e aos poucos eleitores que lhe deram crédito na última eleição”, afirma Roveda.

Segundo pesquisa realizada em Sorriso, a população vem demonstrando grande satisfação com o desempenho da Administração no primeiro semestre de gestão, alcançado o índice de 76% de aprovação. Números que crescem devido à transparência, a otimização do uso do dinheiro público e ao resultado das obras e serviços que vêm desenvolvendo.”