Polícia

Polícia investiga tiros disparados em escritório de advogadas em Lucas R. Verde

A Polícia de Lucas do Rio Verde está investigando um atentando que ocorreu, há cerca de 10 dias. Seis tiros foram disparados no escritório das advogadas Adriane Marcon e Graziela Bourchardt, que fica no centro de Lucas do Rio Verde. não havia ninguém no escritório no momento do atentado. As balas acabaram estourando uma porta de vidro, na entrada. Outra “parede de vidro”que fazia a divisão das salas das duas advogadas também foi danificada. Os tiros atingiram também móveis e paredes.

“Uma das vítimas acredita que seja um ato de intimidação devido a processo que está sendo movido contra algumas pessoas”, explicou o delegado Flavio Stringuetta. “Desde segunda-feira estamos com informações, repassadas pela vítima, que nos ajudarão a esclarecer este caso”, disse o delegado.