sábado, 20/abril/2024
PUBLICIDADE

Prefeito pede a Mauro verba para clínica renal iniciar atendimentos em Sorriso

PUBLICIDADE
Só Notícias (foto: assessoria)

O governador Mauro Mendes se reuniu com o prefeito Ari Lafin, o líder do governo na Assembleia, Dilmar Dal Bosco para agilizar a abertura da Clínica de Tratamento Renal. Foi apresentado o planejamento orçamentário elaborado pela prefeitura, de aproximadamente R$ 300 mil mensais, para custear seis meses de operação, tempo mínimo para que o ministério da Saúde assuma a gestão da clínica que atenderá, inicialmente, 44 pacientes. O pedido passa a ser avaliado pelo governo.

Além dos sorrisenses, devem ser atendidos nove pacientes de Nova Mutum, 11 de Lucas do Rio Verde, quatro pacientes de Ipiranga do Norte, Itanhangá, Nova Ubiratã e Tapurah. “Inicialmente começaríamos atendendo esses 44 pacientes, mas sabemos que assim que entrar em funcionamento esse número tende a aumentar, pois a demanda pela a terapia renal substitutiva, a hemodiálise, vem em um crescente”, disse o secretário de Saúde de Sorriso, Luís Fábio Marchioro. Atualmente, 20 pacientes de Sorriso necessitam deslocar-se até Sinop tratamento.

No início do mês a prefeitura licitou a concessão dos serviços de terapia renal substitutiva. Uma empresa a participou, ofertou o lance de R$ 19,5 mil – o lance mínimo era de R$ 19 mil e deve operar a Clínica de Tratamento Renal pelos próximos 20 anos, informa a prefeitura.

COMPARTILHE:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias
Relacionadas

Prefeito inaugura ciclovias e pistas de caminhada em avenidas de Nova Mutum

A prefeitura de Nova Mutum inaugurou duas obras do...

Prefeito anuncia mais 100 quilômetros de asfaltamento em Várzea Grande

O prefeito Kalil Baracat anunciou que vai incluir no...

Mato Grosso passa a ter setor de inteligência de combater a crimes tributários

O Governo de Mato Grosso implantou a Coordenadoria de...

Ministério autoriza criar mais um câmpus do IFMT em Mato Grosso

O ministério da Educação confirmou a assinatura da portaria...
PUBLICIDADE