Política

Prefeito assassinado ontem em Mato Grosso levou 3 tiros na cabeça

Prefeito de Porto Estrela (190 quilômetros de Cuiabá), Flavio Farias (75) foi assassinado ontem, às 18:50h, com três tiros na cabeça logo após chegar em sua fazenda.
De acordo com o ex-prefeito Arnaldo Brilhandori, todos os dias levavam o prefeito para sua casa e ontem, como os demais dias, levou o prefeito porto estrelense juntamente com Nicola André Neto, secretario de planejamento do município. Brilhandori destacou que o prefeito Flavio Farias acabou de jantar e se despediu dos amigos que costumeiramente levava para a fazenda e que minutos após recebeu a noticia da morte do prefeito.

De acordo com seus funcionários, Flavio Farias tinha acabado de jantar e iria tomar banho numa casa ao lado, mas chegando na casa foi recebido a bala por possíveis pistoleiros, que possivelmente estavam lhe aguardando.

O funcionário informou à polícia que ouviu o barulho dos tiros, mas não conseguiu identificar o autor do disparo porque o local estava muito escuro, mas ainda conseguiu ver uma pessoa de média estatura correndo e usando roupa escura.

Ainda não se sabe o motivo e nem quem cometeu o crime, mas populares que estava presentes no momento da perícia, comentavam que tudo levava a crer que o motivo da morte do prefeito Flavio Farias poderia ser político, haja vista que Flavio estava na frente da prefeitura de Porto Estrela mediante uma decisão da justiça. Conforme foi divulgado aqui no Diário da Serra na ocasião da posse do prefeito naquela cidade

Uma equipe de policiais, chefiada pelo delegado Antônio Araújo, está em Porto Estrela fazendo as investigações e perícia.