Política

Prefeito anuncia abertura de concurso público com 150 vagas em Colíder

Com previsão para o segundo semestre de 2022, a prefeitura de Colíder (160 quilômetros de Sinop) deve lançar edital de concurso público com 150 vagas. O anúncio foi feito pelo prefeito Hemerson Máximo, o “Maninho”, que divulgou a contratação da banca organizadora do certame.

“Sabemos da importância desse concurso e por isso estamos empenhados na divulgação do edital para ainda este semestre. E é nosso dever e obrigação fazer com que ocorra sem nenhum tipo de imprevisto, e não aconteça como o concurso realizado pela gestão anterior que teve que ser anulado judicialmente. Por esse motivo estamos acompanhando, cautelosamente, a organização deste concurso para não cometermos os mesmos erros da organização passada”, pontuou o prefeito.

O certame será de responsabilidade do Instituto Brasileiro de Apoio e Desenvolvimento Executivo (IBADE). A meta é ofertar 150 novas vagas para as mais diversificadas áreas, em níveis fundamental, médio e superior. Além das vagas imediatas, haverá ainda formação de cadastro reserva.

Entre as funções contempladas estão cargos administrativos, auxiliar de serviços gerais, motorista, operador de máquinas, eletricistas, agente de saúde, agente de combate a endemias, técnico em enfermagem, advogado, engenheiro civil, engenheiro agrônomo, jornalista, assistente social, arquiteto, professor, educador físico (bacharel), controlador interno, fiscal de tributos, enfermeiro, odontólogo, fisioterapeuta, farmacêutico, médico clínico geral e especialistas, entre outras.

“Não deixem essa oportunidade passar, estamos em contato dia e noite com a organizadora para finalizar a elaboração do edital, respeitando os prazos legais. Então fiquem atentos ao nosso portal de notícias, às nossas redes sociais e à imprensa em geral. Vamos juntos ajudar a cuidar e a construir uma Colíder cada vez melhor para a nossa população”, completou o prefeito.

Conforme Só Notícias já informou, em maio deste ano, os desembargadores da Segunda Câmara de Direito Público e Coletivo do Tribunal de Justiça decidiram, por unanimidade, manter a anulação do concurso público da prefeitura de Colíder. O certame foi realizado em 2020 e visava o preenchimento de 62 vagas imediatas, com salários de até R$ 6,4 mil.

O concurso já havia sido anulado em primeira instância, em ação movida pelo Ministério Público do Estado (MPE). A Promotoria apontou diversas irregularidades, como a anulação de diversas questões, cujas decisões não haviam sido devidamente fundamentadas, uma fotografia tirada em uma das salas de realização de provas em dissonância com o disposto no edital e o fato de que um dos envelopes foi entregue aberto (lacre rompido), comprometendo o sigilo das provas.

Receba em seu WhatsApp informações publicadas em Só Notícias. Clique aqui.

Redação Só Notícias (foto: Só Notícias/Guilherme Araújo)