Política

Ministro diz que Lula não quer CPI com fins políticos

O ministro da Fazenda, Antonio Palocci, disse nesta sexta-feira no Japão que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva não quer que a Comissão Parlamentar de Inquérito dos Correios seja usada para fins eleitoreiros, informou a Globonews.

De acordo com o ministro, a intenção de Lula é evitar que qualquer CPI se torne um “palco político”. Palocci afirmou que o governo determinou a apuração pela Polícia Federal de todas as denúncias de corrupção nos Correios.

A informação de que o Tesouro Nacional foi utilizado para liberar verbas para tentar a aprovação da CPI foi negada pelo ministro. Ele salientou que os fundamentos econômicos do país estão sólidos o bastante para não serem abalados por qualquer crise política.