Política

Fórum reforça conscientização pela reciclagem do lixo em Sinop

O Fórum Municipal de Debates do Meio Ambiente que está acontecendo neste momento está tendo bons resultados A iniciativa é da ONG Ensinop que em parceria com a Secretaria de Infra Estrutura e também da Secretaria de Desenvolvimento e Meio Ambiente do Município querem levar maior conscientização à nossa população.

Várias crianças estiveram presentes, incentivadas por seus professores a aprender mais sobre a necessidade de cuidar do meio ambiente. Professores, agentes de saúde, militares e representante da sociedae organizada participam.

As palestras programadas que já aconteceram nessa manhã, objetivavam a discussão sobre as múltiplas formas do ser humano interagir com o Meio Ambiente sem lhe causar danos.
O secretário municipal de Infra Estrutura, Gláucio Leitão, abriu o ciclo de palestras falando da atual situação do lixo em Sinop, da necessidade da população separar o lixo molhado do lixo seco. “Só esse procedimento já facilitaria muito o processo de separação dos materiais que acontece no aterro do município e daria mais agilidade ao nosso trabalho”, destacou, além de reforçar a conscientização pela reciclagem.
“Estamos firmando parcerias e fazendo um trabalho amplo junto a comunidade e às crianças para que possamos ter um ‘lixo limpo’ e que não comprometa a qualidade de vida para a população,” afirmou o secretário.

A ONG EnSinop tem feito, há vários meses, um trabalho buscando conscientizar a população para que seja separado o lixo reciclável (papéis, latas de alumínio, por exemplo). Isabel Cristina Paloschi, diretoria da ONG ENSINOP, é uma das organizadoras do Fórum e ficou satisfeita com os resultados. “Fizemos convites para 300 pessoas mas não esperavam que a aceitação fosse tão grande tivemos mais de 200 pessoas aqui só pela manhã e por isso acredito que já alcançamos nossos objetivos porque o poder público e as entidades organizadas viram nosso projeto e agora teremos a chance de ampliar este trabalho aumentando a conscientização”, disse Isabel.

 Pela manhã foram realizadas 3 palestras, a primeira, iniciou a discussão mostrando a realidade de Sinop com relação ao lixo, em seguida foram vistas alternativas para solucionar os problemas mostrados e finalizando a manhã foi falado sobre o reaproveitamento dos resíduos industriais. A tarde iniciou com a apresentação de uma peça teatral dos alunos do colégio CAD e seguiu com a palestra Qualidade de Vida Lixo e cidadania.

O objetivo desta Ong é organizar as pessoas em cooperativas ou associações para que elas reaproveitem o lixo e ao mesmo tempo tenham novas fontes de renda saindo da informalidade. Para despertar a consciência ecológica da sociedade foi realizado o Fórum de educação ambiental que será encerrado hoje no fim da tarde terminará com uma carta/proposta que será encaminhada a prefeitura e a Câmara sugerindo que a coleta seletiva de lixo se torne uma realidade em Sinop.