Esportes

Cuiabá e Operário-VG brigam pelo 1º lugar do grupo B, amanhã

Apesar de ainda não ser uma tradição, o confronto entre Cuiabá e Operário já está sendo chamado de clássico. Amanhã os dois time se enfrentam, às 17, no estádio José Fragelli, Verdão.

As duas equipes já estão classificadas, mas prometem um jogo disputado. O Cuiabá se preocupa em preservar a invencibilidade no campeonato. O time tem quatro empates e três vitórias, sendo uma delas contra o líder Operário.

Esta vai ser a oitava partida da equipe da capital pelo Mato-grossense e a oitava formação. Em todo os jogos, pelo menos quatro jogadores entraram improvisados na posição.

“A gente não consegue manter o entrosamento necessário, mas os jogadores que entrando estão correspondendo, estão se esforçando fazendo máximo. Não podemos deixar cair o rendimento”, explica o técnico Oscar Conrado.

Bibiu, Marcos e Everton entram no lugar de Buiu, suspenso após levar o terceito cartão amarelo, Walace vendido para o Figueirense e Vlademir contudido. Outro jogador confirmado para a partida e que cada vez mais se confirma no time, é Robinho, que marcou na última partida contra o Mixto.

Já o Operário treina firme e o técnico Mosca sabe da importância e da dificuldade que o time vai enfrentar amanhã. “É um clássico e a única previsão que podemos fazer é que vai ser um jogo parelho, quanto ao resultado somente depois de 90 minutos”, disse Mosca.

Com 15 pontos no campeonato, o líder só foi superado por um time. O Cuiabá venceu a primeira partida por 3 a 1.

Neste fim de semana eles voltam a se enfrentar. Mas o Operário conta com a ajuda do artilheiro do campeonato, Rinaldo, que já marcou nove gol e ainda Éder Grilo que fez cinco e ainda é duvida para a partida contra o Cuiabá. Ele não jogou na última partida devido uma contusão. “Vamos fazer uns exames e vou me esforçar para poder entram em campo no sábado”. explicou o jogador.

O time de Várzea Grande ainda tem o reforço de Pitbul, que veio do União Bandeirantes do Paraná e está a disposição do técnico.

E o atacante Ely, de 17 anos, também está de olho em uma vaga. Ele entrou no segundo tempo contra o Berga e fez um dos gols.

Outros jogos

Amanhã jogam também pelo grupo B, Santa Cruz e Mixto, às 15h30, em Barra do Bugres. O Barra enfrenta o União em casa, às 16h, no estádio Zeca Costa. Sorriso e Tangará jogam às 20h, no estádio Egídio José Preima, em Sorriso.

No domingo, em Rondonópolis, entram em campo, Vila Aurora e Juventude, que jogam uma partida decisiva. Os dois times lutam pela classificação.