Política

Fora da Assembleia com o retorno de Kardec, Romoaldo Jr espera licença de Janaína

O suplente de deputado estadual, Romoaldo Júnior (MDB), que deixou a Assembleia Legislativa de Mato Grosso este mês após o retorno definitivo do titular Alan Kardec (PDT), espera não ter que completar um mês longe da cadeira. Ele aguarda a licença-maternidade da vice-presidente da Casa, Janaína Riva (MDB), que está no oitavo mês de gestação e que pode pedir afastamento a qualquer momento.

Nas eleições de 2018, Romoaldo somou 18.467 votos, mas, apesar de ter feito mais do que outros deputados, não foi suficiente para elegê-lo na coligação Pra Mudar Mato Grosso 4, que contou com o MDB, DEM, PDT, PSC, PSD, PHS e PMB. Ficando na primeira suplência, ele assumiu a cadeira e o posto de vice-líder do governo com a nomeação de Kardec para a Secel já nos primeiros dias do governo Mauro Mendes (DEM).

Na semana passada, conforme Só Notícias informou, Kardec deixou, definitivamente, o cargo no Estado para voltar ao parlamento. Ele foi motivado pela reforma da previdência dos servidores públicos estaduais promovida pelo Governo. Mesmo sendo contrário à reforma, o deputado diz que se mantém na base governista da Assembleia.

Entre idas e vindas, titularidades e suplência, Romoaldo Júnior está no sexto mandato como deputado estadual. Também já foi prefeito de Alta Floresta, onde mantém sua base eleitoral. Na última legislatura, ele precisou se afastar da Assembleia por problemas de saúde em dois momentos.

Janaína Riva está gestante do terceiro filho. Antes de sair de licença, ela conseguiu a aprovação de uma Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que antecipou a eleição da Mesa Diretora para junho e ela reelegeu-se vice-presidente do parlamento estadual.

Só Notícias/Marco Stamm (foto: Fablicio Rodrigues/assessoria/arquivo)