Política

Dorner cobra no Ministério da Educação construção de escolas e conclusão de obras

O prefeito Roberto Dorner (Republicanos) cobrou, esta manhã, em reunião com senador Wellington Fagundes e o presidente do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), Marcelo Lopes da Ponte, que responsável pela execução de políticas educacionais do ministério da Educação melhorias na infraestrutura das escolas, mais ônibus escolares e a finalização de obras em Sinop.

“Vejo que há uma boa vontade do presidente do FNDE em colaborar com o ensino em Sinop. Estamos necessitando de muita coisa no nosso Estado e com o apoio o senador Wellington, que vem brigando junto com a gente, estamos conseguindo recursos que vão ao encontro das necessidades da educação municipal, desde infraestrutura das escolas, até transportes escolares”.

Fagundes afirmou que a reivindicação é melhorar a nossa educação infantil. “Nossa educação básica. E, com a aprovação do novo Fundeb [Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica de Valorização dos Profissionais da Educação] as perspectivas é de que os recursos praticamente dobrem os valores, uma revolução ao nosso ver para o ensino básico no Brasil. É investir na criança, que é o futuro do país”, disse.

A secretária municipal de Educação, Esporte e Cultura, Sandra Donato, disse que o momento é propício para capacitação dos profissionais envolvidos na educação municipal. “As gestões são novas, vários profissionais ainda são inexperientes e esse auxílio e aproximação do FNDE com os municípios mato-grossenses se faz necessário. É de suma importância para que possamos fazer um bom trabalho em nível municipal, estadual e federal”, completou.

A secretária municipal de Assistência Social, Trabalho e Habitação, Scheila Pedroso também participou do encontro e afirmou que o treinamento irá melhorar os índices da educação. “A APDM não briga apenas pelo social, ela olha também para os municípios de modo geral e a educação é uma bandeira nossa. Sabemos que muitas cidades não estão aptas para utilizar os programas e projetos desenvolvidos pelo FNDE”, expôs, através da assessoria.

Redação Só Notícias (foto: assessoria)