Política

Câmara Sinop aprova requerimento pedindo demissão de coordenador que fez acusações

A Câmara Municipal de Sinop aprovou, agora há pouco, em sessão extraordinária voto de censura com pedido de demissão do coordenador municipal de Esportes de Sinop, Antonio dos Santos, o Porcão, (PDT) que fez denúncias contra vereadores dizendo que cobrariam “para votar projetos da prefeitura. Sem apresentar provas, Porcão concedeu entrevista a um jornal, e fez as acusações que deixaram os vereadores extremamente irritados.

Ele foi duramente criticado pelos vereadores nesta sessão. Cogitou-se, inclusive, pedido de abertura de CPI, o que acabou descartado.
O presidente José Pedro Serafini anunciou que, além desta medida, a câmara deve interpelar o coordenador – que também é suplente de vereador- na Justiça.
“A Câmara será extremamente corporativa quando for de defender o direito de defender o legislador, seja contra quem for”, alertou o presidente.

“Ele é um bom cidadão, mas acabou enfiando os pés pelas mãos. Fez acusações extremamente graves e nada provou. Acho que a câmara tomou a decisão correta”, disse a vereadora Cleuza Naravini (PTB).

Porcão ocupa, há alguns meses, o cargo de coordenador de Esportes, que é de segundo escalão. A decisão da câmara deve resultar em sua exoneração. As acusações de Porcão criaram problemas políticos para o prefeito Nilson Leitão. As criticas e acusações causaram desconforto não apenas na base aliada mas na oposição e, dificilmente, o coordenador deve permanecer no cargo.