Polícia

Sorriso: homem perde quase R$ 50 mil ao comprar carros em suposto leilão pela internet

O denunciante, de 41 anos, morador do bairro Rota do Sol, registrou boletim de ocorrência, ontem, na delegacia de Polícia Civil, informando que teve um prejuízo de R$ 49,8 mil ao comprar dois carros (marcas e modelos não divulgados) em um suposto leilão pela internet.

Ele disse aos policiais que viu dois anúncios de carros em um site, gostou dos veículos fez um cadastro e, posteriormente, recebeu e-mail dizendo que seus lances haviam sido aceitos e que deveria efetuar o pagamento em uma conta bancária. O denunciante desconfiou pelos dados serem de pessoa física, então procurou duas pessoas que tinham experiência na área antes de fazer o depósito e elas disseram que era seguro.

Ainda assim, desconfiado ligou para os supostos representante e disse que não conseguia cadastrar a conta e não efetuaria o pagamento, então disseram que iriam fazer contrato de cancelamento de compra. O comunicante pegou mais confiança e fez o depósito.

O representante disse que ele poderia retirar os carros no prazo de dois dias em Itaquaquecetuba, em São Paulo. O homem mandou um Uber ao local e descobriu que lá funciona outra empresa de leilões e teve certeza que foi vítima de estelionato.

Outra vítima, de 56 anos, também moradora de Sorriso, registrou boletim de ocorrência informando que teve um prejuízo de R$ 18,6 mil, ao tentar um empréstimo de R$ 50 mil pela internet. O denunciante disse que entrou em contato com a suposta financeira e pediu o valor. Entretanto, foi solicitado diversos depósitos alegando que seriam para liberação do empréstimo. Quando o denunciante se deu conta já havia depositado mais de R$ 18 mil e não recebeu o dinheiro.

Só Notícias/David Murba (foto: Só Notícias/arquivo)