Polícia

Sinop: homem diz que foi agredido e ameaçado por vizinho em conflito por divisa de terreno

O denunciante, de 38 anos, disse, ontem, na delegacia de Polícia Civil que foi agredido, teve seu carro danificado e foi ameaçado de morte por seu vizinho em uma desavença motivada pela divisa de terreno.

O comunicante contou aos investigadores que seu vizinho fez a parede da sua residência na divisa e, por causa da construção acabaram se desentendendo, então foi agredido com um bloco de concreto e ameaçado de morte.

Segundo o homem, o vizinho teria mandado “dormir com os dois olhos abertos, pois sabe como resolver este tipo de coisa”. O caso é apurado pela Polícia Civil.

Redação Só Notícias (foto: Só Notícias/arquivo)